Primavera

Ah, a Primavera, aqueles dias mais quentinhos que dão vontade de usar roupa fresca, as árvores a voltar à vida, flores em todo o lado, a comunhão com o ranho.

Pois, para mim é mais o último ponto. Eu sou o ranho, o ranho sou eu. O pânico do pacote de lenços a chegar ao fim e eu sem ter mais nenhum pacote por perto. O ranho que não pára nem com uma dose de anti-histamínicos em cima.

É o que temos.