Olá pessoas

Neste interregno que se assinalou aqui no blog, sucedeu o seguinte:

  • Mandei o cargo que tinha há dois anos com os porcos, porque a coisa começou a descambar à velocidade da luz a partir de Agosto. É realmente ao olhar para trás que percebo quão frágil é uma situação profissional fixe: num mês pode estar tudo bem e no seguinte haver decisões chave que deitam tudo abaixo.
  • E não, não mandei tudo com os porcos sem antes ter algo em calha e assinado.
  • Estive quase um mês de férias (contando com o Natal), e nem assim me senti descansada. Juro que, na véspera de recomeçar a trabalhar, estava a ponderar deixar esta vida de programação e ir abrir um estaminé de algo a definir para as Canárias. Isso e estar uma semana e meia com a família desgasta-me.
  • Tive pela primeira vez em 6 anos de trabalho um PROCESSO DE ONBOARDING decente. Achei que seria uma utopia, mas não, há sítios onde tal coisa existe, recomenda-se.
  • Estou agora naquela fase muito chata em que não conheço bem o projecto, não conheço bem as pessoas, só estou desconfortável todo o dia a pensar se estou a fazer figura de ursa.

Clássicos desse mundo IT

Site em baixo há 3h, o pânico, o horror, é preciso criar tickets para o fornecedor porque os Sysadmin não conseguem fazer nada.

  1. A única pessoa que consegue criar tickets é o chefe;
  2. O nível que temos do fornecedor é de Developer, e só respondem passadas 48h. Esquece o facto de isto ter tráfego de empresa há 3 anos, e estarmos com nível de Developer só para poupar uns trocos.
  3. Temos os Sysadmin a tentar dar instruções ao chefe em como escrever o ticket para o suporte.

No meio disto tudo, não é minha responsabilidade, portanto estou a adorar a novela.

Serviço público

Para quem usa copo menstrual: quando ele estiver encardido encardido, deixem umas horas em água oxigenada. Não fica como novo, mas fica com muito melhor aspecto.

Só não se esqueçam de lavar muito bem antes de o voltarem a enfiar na paxaxa.

Não têm de quê.