Homesickness

rainy

Às vezes fica meses sem bater. Outras vezes bate todas as semanas, ao domingo à noite. Achei que tinha deixado de acontecer, a partir do momento em que me comecei a instalar melhor cá em Lisboa.

Mas às vezes o tempo passa a uma velocidade alarmante. Outubro foi-se num flash. Enquanto esperava pelo próximo fim de semana, pelo próximo dia em que algo de especial ia acontecer, foi-se um mês inteiro. E depois penso: e se os dias passarem todos num instante até os meus pais já não poderem estar comigo?

Isto é um bocado estúpido, até porque os meus pais não são assim tão velhos.

Mas nestes dias passa-me tudo pela cabeça. Muitas vezes tenho o Mr. IT ao meu lado no sofá, e sinto-me uma sozinha, e uma estrangeira nesta casa por ter saudades de lá de cima.

Mas se calhar também é só este tempo cinzento a fazer-me pensar em parvoíces.

Deixar uma resposta